Publicado em 07/12/2018 12h29 - Atualizado em 07/12/2018 12h42

Maragojipe: Faleceu o Vereador Renatinho de Coqueiros

Sexta, 07 de Dezembro de 2018 Redação Recôncavo Agora

Faleceu nessa madrugada (07) o Edil Renato Santana, popularmente conhecido por ''Renatinho de Coqueiros''. O edil sofreu o infarto a mais ou menos 30 dias e estava em recuperação e fazendo tratamentos. O caso do edil teve uma piora logo após participar da eleição da câmara municipal na semana passada que terminou não acontecendo. Depois da sessão o vereador foi levado ao hospital em Santo Antônio de Jesus onde permaneceu às últimas horas dessa madrugada. Segundo informações preliminares o vereador sofreu quatro paradas cardíacas, onde foi levado a UTI (Unidade de Terapia Intensiva). O vereador chegou a ser submetido à transfusão de sangue devido a parada do rin, devido ao infarto o vereador perdeu 70% do musculo do coração.

Entenda um pouco sobre o caso;

O coração não para de trabalhar um segundo e, para suprir as necessidades do corpo em repouso, precisa bombear em média de 5 a 6 litros de sangue por minuto. No entanto, em uma pessoa normal, ele pode bombear até 20 litros de sangue por minuto e, em caso de atletas, que têm o músculo cardíaco mais forte, por exemplo, essa quantidade pode subir para 25 litros.

Se a pessoa perde parte dessa musculatura, como num infarto, por exemplo, o coração continuará suprindo essa necessidade do organismo, mas em uma situação que exigir maior demanda de oxigênio, como uma forte emoção ou durante a atividade física, por exemplo, não vai conseguir funcionar bem porque terá perdido a “reserva” - o que pode gerar um cansaço excessivo ou até mesmo uma parada cardíaca.

Essa sequela no coração pode ser ainda maior se houver demora no atendimento ao paciente com infarto.

o coração pode perder em média 1 terço de seu músculo - para evitar danos maiores, o ideal é que ele seja atendido o quanto antes. Se o atendimento for em até 60 ou 90 minutos, boa parte dessa musculatura pode ser recuperada; se demorar mais de 6 horas no atendimento, as células perdidas já não podem mais se regenerar.

Depois da morte dessas células musculares, o músculo cardíaco sofre uma cicatrização e um processo de fibrose muscular, como mostrou o cardiologista. Esse processo pode prejudicar a elasticidade do músculo, diminuindo a capacidade de bombeamento do sangue. Por isso, é extremamente importante o rápido atendimento ao paciente aos primeiros sinais de infarto, para evitar essas consequências.

O primeiro sinal de infarto é o que os médicos chamam de isquemia, ou seja, falta de sangue. Isso acontece quando há um estreitamento das artérias ou alguma obstrução que impede o aumento do fluxo sanguíneo em situações em que há maior demanda de oxigênio, como por exemplo, durante a atividade física – nesse caso, o sangue começa a ter dificuldade para passar pelos vasos.

Entre os sintomas mais comuns da isquemia, estão dor e aperto no peito, sensação de aperto na base do pescoço, tontura e cansaço. Porém, existem casos em que a pessoa não sente nenhum sinal ou sente algo dificilmente relacionado a um infarto, como azia.

Arte Infarto Bem Estar (Foto: Arte/G1)

Vai com Deus...

Autoria: Redação Recôncavo Agora / Cesar Andrade

  • Link:

Comente essa notícia

ENQUETE RECONCAVO AGORA

Em qual desses pré-candidatos com certeza você votaria para Prefeito de Maragojipe 2020?















Resultado parcial

Enquete ficará até o dia 31 de Dezembro.

Publicidade
Copyright 2015-2018 © www.reconcavoagora.com.br - Todos os direitos reservados
jornalismo@reconcavoagora.com.br • Tel/WhatsApp: (75) 99701-8515 / (71) 99246-7277
Desenvolvimento: Tecnosites