Publicado em 05/12/2018 17h08

Holandês pede para ser 20 anos mais jovem no RG, mas Justiça nega

Emile Ratelband, 69, alega sofrer por ter uma idade que "não combina" com a sua aparência

holandes

A Justiça da Holanda rejeitou nesta segunda-feira (3) o pedido de Emile Ratelband, de 69 anos, para ter 20 anos a menos no documento de identidade e combater a discriminação que alega sofrer por ter uma idade que “não combina” com a sua aparência, segundo site G1.

De acordo com a decisão, a lei holandesa não oferece a possibilidade de mudar a data do nascimento de um cidadão nem a sua idade real, mas o autor da ação “sempre poderá usar outras ferramentas legais para lutar contra a discriminação” por idade.

Ratelband, que ainda não sabe apresentará recurso contra o veredito, argumentou que as pessoas já conseguem mudar o nome e o sexo e que ele deveria ser livre para mudar a idade. No entanto, para o tribunal, tirar 20 anos do documento oficial “vai além” de mudar esses dados, já que a idade está vinculada a diferentes direitos e obrigações, como votar, receber benefícios sociais, casar e ter carteira de motorista.

“Ele é livre para se sentir 20 anos mais jovem e agir a partir disso, mas adaptar a sua data de nascimento teria vários tipos de consequências legais e sociais não desejáveis. A manutenção dos registros com informação objetiva correta é primordial”, informou o texto da decisão.

 

Autoria: Redação

  • Link:

Comente essa notícia

ENQUETE RECONCAVO AGORA

Como você avalia os vereadores da situação em Maragojipe?





Resultado parcial

Luisinho, Beto de Betuca, José Moisés, Paulo de Plínio, José Benedito, Zé de Roque e Juninho da Colônia...

Publicidade
Copyright 2015-2019 © www.reconcavoagora.com.br - Todos os direitos reservados
jornalismo@reconcavoagora.com.br • Tel/WhatsApp: (75) 99701-8515 / (71) 99246-7277
Desenvolvimento: Tecnosites