Publicado em 10/07/2018 15h22

CNJ vai acionar todos os que estiveram em guerra de liminares no TRF4 envolvendo Lula

Redação Recôncavo Agora

A Coluna Painel de Daniela Lima no jornal Folha de S. Paulo informa que o corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, deu sinais de que vai instaurar pedidos de providências contra todos os magistrados envolvidos na rumorosa guerra de liminares sobre a soltura do ex-presidente Lula neste último domingo (8). 

Pelo que o ministro João Otávio de Noronha indicou, até o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Thompson Flores, seria provocado a se manifestar. Em privado, o corregedor do CNJ fez duras críticas à atuação dos juízes que se posicionaram no último domingo, afirma a Folha de S.Paulo. 

Apesar do gesto de Noronha, advogados de réus da Operação Lava Jato julgam remotas as chances de Sergio Moro ou mesmo Rogerio Favreto sofrerem sanções no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). No máximo, apostam, serão alvo de reprimendas leves, complementa a coluna. O CNJ tem seis representações contra Favreto e uma contra Sérgio Moro. A decisão de Rogério Favreto foi vista no meio jurídico como uma quebra de hierarquia.

Autoria: Folha S. Paulo

  • Link:

Comente essa notícia

Copyright 2015-2018 © www.reconcavoagora.com.br - Todos os direitos reservados
jornalismo@reconcavoagora.com.br • Tel/WhatsApp: (75) 99701-8515 / (71) 99246-7277
Desenvolvimento: Tecnosites