Publicado em 03/02/2017 10h22

Médica do Sírio-Libanês é demitida após compartilhar dados sobre o estado de saúde de Dona Marisa pelo WhatsApp

Mensagem se espalhou rapidamente em outros grupos do aplicativo

A médica reumatologista do Hospital Sírio-Libanês, Gabriela Munhoz, 31, foi demitida após compartilhar informações sobre o estado de saúde de Dona Marisa, em um grupo de colegas da faculdade, através do WhatsApp.

A médica enviou a mensagem horas após a internação da ex-primeira-dama, informando que ela tinha sofrido um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

A direção do Hospital Sírio-Libanês repudiou o ato de quebra de sigilo e informou em nota “ter uma política rígida relacionada a privacidade de pacientes”.

Autoria: SP

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade
Copyright 2015-2019 © www.reconcavoagora.com.br - Todos os direitos reservados
jornalismo@reconcavoagora.com.br • Tel/WhatsApp: (75) 99701-8515 / (71) 99246-7277
Desenvolvimento: Tecnosites